FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA- EPT E NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: UMA REVISÃO LITERATURA

Juliani Natalia dos Santos, Vantoir Roberto Brancher

Resumo


Este artigo em como objetivo de estudo o estado da arte junto ao banco de dados da Scielo Brasil, referente às produções científicas que vem sendo realizadas com os temas formação de professores para Educação Profissional e Tecnológica-EPT e narrativas de formação docente, tendo o objetivo de mapear e discutir como se da à constituição dos saberes docentes para atuação no espaço da EPT. Para tal, se estabeleceu relações e aproximações teóricas a respeito da constituição profissional destes sujeitos, a partir da análise de conteúdo das produções existentes, com ênfase nas seguintes categorias temáticas: saberes docentes, imaginário e representações, trajetos formativos e identidade docente, tendo como base o ano da criação dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia em 2008 até o ano de 2016. Ao concluir a análise dos artigos publicados, identificou-se uma significativa preocupação com a formação dos professores da Educação Profissional e Tecnológica diante das políticas públicas referentes a esta modalidade, dando ênfase as narrativas de formação para o crescimento profissional de si e demais colegas. Percebeu-se, ainda, a carência de publicações sobre narrativas de professores da EPT, fomentando o uso destas narrativas para a formação e crescimento desse profissional.


Palavras-chave


Educação Profissional e Tecnológica; Formação de Professores; Narrativas de Formação; Saberes Docentes.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL, Lei 11.892 de 29 de Dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências.

CARVALHO, O. F. e. SOUZA, F. H. de Magalhães. Formação Do Docente Da Educação Profissional E Tecnológica No Brasil: Um Diálogo Com As Faculdades De Educação E O Curso De Pedagogia. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302014000300883〈=pt.08/04/2016.

CALDART, R. S. Org., PEREIRA, I. B, ALENTEJANO P. e FRIGOTTO, G. Dicionário da Educação do Campo. / Organizado por– Rio de Janeiro, São Paulo: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Expressão Popular, 2012.

CAPOZZOL, A.A. Narrativas na formação comum de profissionais da saúde, 2014. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-7746201400020001308/04/2016.

CIAVATTA, F., M.A. O trabalho como princípio educativo- Uma investigação teórico metodológica (1930-1960). Rio de Janeiro: PUC-RJ, (Tese de Doutorado em Educação), 1990.

CUNHA, M. I. O tema da formação de professores: trajetórias e tendências do campo na pesquisa e na ação. Educação e Pesquisa, São Leopoldo: Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 2013.

FARTES, V. e SANTOS, A. P. Q. Oliveira. Saberes, Identidades, Autonomia Na Cultura Docente Da Educação Profissional E Tecnológica. CADERNOS DE PESQUISA V.41 N.143 MAIO/AGO-. 2011 389. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S010015742011000200004〈=pt. 08/04/2016.

FREITAS, M.T.M. FIORENTINI D. Desafios e potencialidades da escrita na formação docente em matemática. 2008. Disponível emhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-636X201400010002608/04/2016.

GARCIA, M. A. de A, FERREIRA, F. P.FERRONATO F A. Experiências de humanização por estudantes de medicina. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-77462012000100006

/04/2016.

JOSSO, M. C. Experiência de vida e formação. Lisboa: EDUCA, 2002.

LARROSA, J. Literatura, experiência e formação. In: COSTA, M. V. (Org.) Caminhos investigativos: novos olhares na pesquisa em educação. Porto Alegre: Mediação, 1996. p.133-160.

_________. Notas sobre a experiência e o saber da experiência. Revista Brasileira de Educação, n. 19, jan./abr. 2002.

MACHADO, L. R. S. O Desafio Da Formação Dos Professores para a EPT e Proeja. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302011000300005〈=pt 08/04/2016.

MARIN, M. J. S, et al. Aspectos da integração ensino- serviço na formação de enfermeiros e médicos, 2013. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S010055022013000400005〈=pt 08/04/2016.

MARX, K., ENGELS, F. Manifesto do Partido Comunista. Prólogo de José Paulo Netto. São Paulo: Cortez, 1998.

MARX, K. O Capital. Crítica da economia política. 2 vols. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1980.

MENDES R. VAZ A. Educação Ambiental no ensino formal: narrativas de professores sobre suas experiências e expectativas, 2009. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-46982009000300019〈=pt 08/04/2016.

NÓVOA, A. Professores: Imagens do futuro presente. Lisboa: Educa, 2009.

PIMENTA, S. G. Saberes pedagógicos e atividade docente. Textos de Edson Nascimento Campos [et al] – Saberes da docência. Ed. Cortez, 6º ed. São Paulo, 2008.

SHIROMA, Eneida Oto. LIMA FILHO, Domingos Leite. Trabalho Docente Na Educação Profissional E Tecnológica E No Proeja. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302011000300007〈=pt 08/04/2016.

TARDIF, M. Saberes Docentes e Formação Profissional. Petrópolis: Vozes, 2014.

ZABALZA,M. O Ensino Universitário: seu cenário e seus protagonistas. Porto Alegre: Artmed, 2004.




DOI: http://dx.doi.org/10.35818/acta.v12i1.553

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.